"

My Photo
Name:
Location: Portugal

01 August, 2008

Aquele cheiro a Cavaco com o calor...


Que coisa tão engraçada. O sol brilha, as mulheres estão bonitas, as crianças contentes, o céu azul, o mar, o tempo livre, o descanso, a diversão. Férias é tão bom, não é? E no meio, ainda por cima, aparece a voz e aquela sibilante sopinha-de-massa de Cavaco Silva a inrromper pelo ar, amenamente temperado e carregado de alegria. Tão bom!

Mas para que é que o homem foi interromper as férias para fazer um comunicado ao país sobre a nova proposta aprovada no Parlamento Regional insular, acerca do Estatuto Político-Administrativo dos Açores!? Alguém sabia disso? Qual é a, a sério, porquê? Mas para quê? O que é que foi aquilo!? Assim de chapa?!

Apesar da questão ser de uma importância enorme, porque se trata de inconstitucionalidade, podia-se também ter aproveitado para falar em coisas bem mais pertinentes, suscitae interesse num país que interrompe as férias para ouvir o seu Presidente da República. A preocupação de Cavaco não só nos é transmitida, quando no dia seguinte temos a noção do que é a "autonomia regional", quando já Alberto João Jardim se preparava para fixar os preços do combustível na Madeira. Com ele ninguém refila! Melhores amigos!

Mas afinal não será assim mesmo um bocadinho, mas mesmo um bocadinhozinho, só mesmo uma pontinhazinha fininha do tamanho de um alfinete mais grave o que Alleberto Jioão faz e diz quando se fala em autonomias regionais?

Armado em "'tou de férias, mas 'tou muito atento, não julguem que eu 'tou a dormir"...

Enfim, mais um episódio ridículo da vida política Margarida Rebelo Pinto que Cavaco Silva levou. E ainda há quem adore o homem! Como é que é possível!?

0 Comments:

Post a Comment

<< Home