"

My Photo
Name:
Location: Portugal

19 June, 2007

Tan Tan Tananam



Soaram finalmente os trompetes do classico de Frank Sinatra - era esse o som que tentamos descrever no titulo desta entrada - na nossa cabeca. A ma impressao deixada pela chegada aos arredores, foi finalmente substituida pelo espirito beyond espanhol que a cidade que nunca dorme tem. "Ah coiso, la em Espanha pa, aqueles espanhois pa, ui, e so pa, sempre acordados, ouve, beber copos com os amigos a seguir ao trabalho, gente na rua a toda a hora pa, ui." Nova Iorque e isto vezes mil.

A toda a hora, ha sempre jornais, tabaco, ha sempre metro, autocarros, transito, lojas abertas, pretos, brancos, azuis. E tudo, com tudo e tudo, mais tudo, depois de tudo. E um trubilhao de coisas, no sentido mais vago e indefinido da palavra. E isto a expressao maxima do capitalismo, cad um com um caminho, uma funcao, uma optimizacao do que se faz na vida, na medida do possivel.

E depois desta divagacao sobre Nova Iorque, pouco original e de quem pouco viu no mundo - ve-se -, temos a dizer que esta cidade e de chupar a carteira ate ao tutano. So para se ter uma ideia, estacionar duas horas numa garagem, pode custar 50 dolares. Uma casa ao lado do Central PArk custa 10 milhoes de dolares, e beber tres imperiais nma esplanada ao fim da tarde custa 20 dolares. Quem pode pode, quem nao pode leva feito.

Apesar de tudo, vale a pena vir ao ciclone do capital. E muito engracadinho.

Later.

15 June, 2007

Impressoes de uma primeira vez na terra dos sonhos


O facto de estar a escrever sem acentos e ja significativo de que nao estou bem onde devia estar. De facto, o nosso sitio nao e este. Aqui tudo parece superficial, casas horriveis, gente com aspecto de lavrador, mas carroes, so carroes.
E a primeira impressao de Newark, a terra que tantos portugueses diziam ser a casa de todos os sonhos. Eles ca andam, mas acreditem, nao e nenhum sonho viver aqui. Mas bem, ainda vamos para Nova Iorque, e vamos la ver...achamos e que nao vai haver dinheiro para muitos sonhos. Um post rapido, eficaz e introspectivo, ha!


PS: Primeira entrada escrita fora da tuga, parabens , es o maior blogue sim senhor